Os Sinais Perigosos da Economia Brasileira

A economia brasileira dá sinais de desaceleração. A previsão de crescimento para este ano sofreu nova indicação de queda e tanto analistas independentes quanto instituições do mercado financeiro apontam para um PIB por volta de 2%.

A questão central hoje da economia brasileira é a volta da inflação. Nenhuma medida do governo federal conseguiu fazer com que a tendência de alta da antiga inimiga dos trabalhadores em geral pudesse se manter na meta estabelecida para 2013. Hoje anualizada a inflação se aproxima velozmente de 7%.

O drama é este!

Mesmo com baixo crescimento seria possível uma estabilização e a manutenção de uma ordem econômica saudável. Porém, o descontrole inflacionário desarruma a economia, desgasta a relação com investidores brasileiros e internacionais e deságua, entre outras coisas, no desemprego.

Atento a esse quadro degenerativo da economia o Banco Central pela terceira vez seguida elevou a taxa de juros básica da economia para 8,5% mantendo o viés de alta.

É uma luta dura, inclusive, pelo descompasso entre o Ministério da Fazenda e o Banco Central cuja independência só agora se afirma.

Outro ponto significativo é que a previsão das receitas tributárias na prática não se efetivará, pois a esperada receita tinha como base um crescimento da economia superior a 3,5% ao ano. Hoje, como já informamos, a previsão de crescimento é um pouco acima da metade do que foi previsto nas estimativas do governo federal.

Isto afetará diretamente os valores financeiros das transferências constitucionais para Estados e municípios.

O governo federal precisa encarar que há a real necessidade de uma reforma administrativa para a contenção de gastos com uma máquina improdutiva, que hospeda parasitas e parceiros políticos inúteis.

Certamente outras medidas se fazem necessárias, mas o que se espera, de fato, é uma reviravolta moral, sinalizando que a compostura e a seriedade estão incorporadas a uma agenda de recuperação econômica e política do país.


Texto do Programa Opinião Católica do dia 16 de julho de 2013.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Preces da Comunidade

Crítica ao Trabalho das Organizações Não Governamentais - ONGs

Governos: Falta de Planejamento e Visão